Verdão mantém proposta por Kléber, e guerra com o Timão começa

O ano de 2009 promete começar quente entre os inimigos Palmeiras e Corinthians. Nesta quarta-feira, 31 de dezembro, vence o prazo do Verdão para pagar os US$ 8 milhões (cerca de R$ 19 milhões) ao Dínamo Kiev-UCR pelo atacante Kléber, novo ídolo da torcida. Mas o clube já avisou: não tem todo o dinheiro e vai manter a proposta de US$ 4 milhões (R$ 9,5 milhões) feita no início do mês. Assim, abre espaço para o Timão entrar pesado na disputa pelo jogador. Apesar de não ter conseguido arrecadar todo o montante, o Palmeiras continua confiante, mas sabe que, agora, ganhará um concorrente à altura. Os US$ 4 milhões oferecidos anteriormente já foram recusados pelo clube ucraniano. A aposta, porém, é de que ninguém apareça com mais do que isso nas próximas semanas. - O Palmeiras vai manter a proposta. Nesta quarta vence apenas a prioridade de compra. Isso não significa que o Dínamo não possa aceitar esse valor. Pode acontecer de aparecer proposta melhor, mas o jogador não querer ir. Nós entendemos que fizemos uma oferta extraordinária – disse o diretor de futebol do Verdão, Toninho Cecílio. O problema é que o Corinthians entrará forte na batalha pelo atacante. Na última sexta-feira, o presidente Andrés Sanches se reuniu com o empresário Giuseppe Dioguardi para saber quais as possibilidades de levar Kléber ao Parque São Jorge, mas prometeu respeitar o período de ligação ao Palmeiras. Na próxima semana, o Timão oficializará uma proposta por ele.
saiba mais
Andrés Sanches nega acerto, mas deixa escapar que Kléber está perto do Timão
Palmeiras agradece ação da torcida por Kléber, mas descarta ajuda financeira
Empresário nega acerto de Keirrison com o Verdão, mas não descarta a ida
- Na conversa que tive com o Andrés, ele queria saber o valor do Kléber e os salários. Nenhuma proposta foi feita. Eu disse que o Dínamo queria US$ 8 milhões, e ele me falou que esse valor não seria problema. O clube não aceita emprestar e só quer vender – contou Dioguardi, conhecido por Pepinho. Apesar do interesse dos ucranianos em negociar Kléber apenas em definitivo, o Timão buscará o acordo de duas formas: na primeira, tentará o empréstimo usando como argumento que a presença de Ronaldo no elenco ajudaria o atacante a aparecer mais na Europa e, assim, abrir possibilidades de negociações maiores. - O Corinthians deve usar isso para tentar convencer o Dínamo. O presidente do clube sabe que o Ronaldo está aqui e que o Kléber teria uma grande visibilidade ao lado dele – afirmou o agente. Na outra, o Alvinegro sairá à caça de parceiros interessados em investir no atleta. Sanches, inclusive, já adiantou que se a negociação for sacramentada não será com dinheiro do Corinthians, estratégia já adotada pelo clube durante a Série B do Campeonato Brasileiro. - Se o Kléber vier, não vai ser pelo Corinthians. Vou ser realista: US$ 8 milhões é praticamente impossível para não falar impossível. Isso acontece com todos os clubes, não é só o Corinthians. A esperança dos rivais aumenta no que depender da vontade de Kléber e do empresário. O jogador já adiantou que não pretende voltar à Ucrânia, enquanto seu agente prefere que ele siga no Brasil pela boa temporada que teve, principalmente de olho em uma convocação para a seleção brasileira. Desta forma, pressionaria o Dínamo a reduzir a pedida. - Hoje, talvez o presidente não aceite reduzir esse valor, mas daqui alguns dias, pode acontecer. O Kléber não quer voltar. Eu, como procurador do jogador, quero que ele continue no Brasil já que está perto de uma convocação. O Kléber tem dois futuros maravilhosos: jogar a Libertadores pelo Palmeiras ou ao lado do Ronaldo, no Corinthians.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!