technology

tv tribuna

recent posts

tv
tv

Audiência Pública apresentou contas da prefeitura no primeiro quadrimestre de 2016


 

Texto: Arnold Coelho – Fotos: Antonio Lima
Aconteceu na manhã de hoje, terça-feira 31 de maio, no plenário da Câmara de Vereadores de Ibicaraí, uma Audiência Pública para apresentar a Avaliação das Metas Fiscais do Primeiro Quadrimestre de 2016. Na oportunidade todos os dados foram apresentados pelo Diretor Contábil da empresa Compus Contabilidade e responsável pela contabilidade do município de Ibicaraí, Osmar Ferreira Farias Júnior. Estiveram presente a Diretora Contábil da prefeitura Sueli Carvalho; o secretário de Planejamento Leones Batista da Silva; a Procuradora do município Dra. Adenildes Santos de Jesus e Antonio Neto, representante do SAAE.
Em pouco mais de 40 minutos o contador Osmar Ferreira mostrou números e dados dos últimos quatro meses da atual administração para um pequeno público presente no plenário da Câmara. Durante a audiência Osmar disse que o município teve uma perda de pouco mais de 4% da receita com relação ao mesmo período do ano anterior. Outro ponto importante lembrado por Osmar foi com relação as metas que precisam ser cumpridas pela atual administração. Segundo ele até o final do ano a prefeitura de Ibicaraí precisa gastar no mínimo 25% da receita com Educação; 15% com Saúde; 60% com o Fundeb e no máximo 54% com folha salarial.
O técnico ainda falou da dívida do município com a União que cresce a cada dia, pois segundo Osmar os municípios brasileiros tem uma receita sempre menor que as despesas. Outro ponto negativo são as dívidas de gestões passadas que são pagas pela atual administração. "Dívidas com o INSS, precatórios e convênios levam parte da receita mensal, o que deixa a maior parte dos gestores impossibilitados de administrar", disse o contador.

Delegados querem coordenadora da Lava Jato no comando da Polícia Federal

A delegada Erika Mialik Marena, responsável por coordenar as investigações da Operação Lava Jato na Polícia Federal (PF) de Curitiba, foi a mais votada pelos delegados da PF para assumir a direção da entidade. Ela é um dos nomes que compõe a lista tríplice que será encaminhada ao presidente da República interino, Michel Temer, pela Associação Nacional de Delegados da Polícia Federal (ADPF), que organizou a votação. Atualmente, a nomeação para o cargo é uma atribuição do ministro da Justiça, mas a ADPF argumenta que a escolha por meio da lista tríplice, mesma prática adotada na seleção do procurador-geral da República, é o modo mais seguro de garantir gestão técnica e autonomia à Polícia Federal. Por meio da PEC 412/2009, que terá parecer votado pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ) na tarde desta terça-feira (31), os delegados querem que a lista tríplice se torne lei. A ADPF defende também um mandato de três anos para o diretor-geral, renovável apenas uma vez por igual período, de modo a impedir que o ocupante do cargo seja destituído intempestivamente. O atual diretor-geral da PF, Leandro Daiello, está no cargo desde o início de 2011, ainda no primeiro mandato da presidenta afastada Dilma Rousseff, e deixará o posto após o fim das Olimpíadas do Rio 2016, segundo a associação, motivo pelo qual a categoria resolveu se antecipar e apresentar uma lista tríplice.
Agência Brasil

Operação Zelotes descobre que filho de Lula recebeu R$ 10 milhões, diz coluna

Operação Zelotes descobre que filho de Lula recebeu R$ 10 milhões, diz coluna
Foto: Reprodução / TV UOL
A Operação Zelotes descobriu que o filho caçula de Lula, Luís Cláudio Lula da Silva, e a sua empresa de consultoria, LFT Marketing Esportivo, receberam quase R$ 10 milhões. Segundo a Coluna do Estadão, R$ 4 milhões teriam vindo da Marcondes & Mautoni, acusada de comprar medidas provisórias e o restante teria saído de "outras fontes suspeitas". As informações foram obtidas através da quebra do sigilo bancário de Luís Cláudio, que abrange o período entre 2009 e 2015. A LFT Marketing Esportivo foi constituída em 2011.

Bandeiras tarifárias: Conta de luz continua sem taxa extra em junho

Bandeiras tarifárias: Conta de luz continua sem taxa extra em junho
Foto: Evilásio Jr/ Bahia Notícias
A bandeira tarifária permanecerá na cor verde em junho, segundo determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta terça-feira (31). Segundo informações da Agência Brasil, com a medida, a conta de energia elétrica continua sem cobrança extra, o que voltou a acontecer desde abril, por conta da melhoria da condição dos reservatórios das hidrelétricas. Outros fatores que contribuíram foi a queda do consumo por conta da crise econômica e com o início da operação de novas usinas. O sistema de bandeiras tarifárias está em vigor desde o ano passado: na bandeira tarifária amarela, a adição é de R$ 1,50 a cada 100 quilowatt-hora (kWh) consumidos; na vermelha, R$ 3 (patamar 1) e R$ 4 (patamar 2). Nesta quarta, o Comitê de Monitoramento do Sistema Elétrico tem sua primeira reunião sob a gestão do presidente interino Michel Temer – o colegiado é que define o acionamento e desligamento de usinas termelétricas, o que impacta na decisão de mudar a bandeira tarifária.

Pilotar cinquentinha só habilitado, a partir de amanhã

A exigência por habilitação para conduzir as motos conhecidas como "cinquentinhas" começa a valer nesta quarta-feira (1º) em todo o Brasil. Quem descumprir cometerá infração gravíssima, com multa de R$ 574,62 (o valor é multiplicado por 3) e apreensão do veículo. Para guiar "cinquentinha" será preciso ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria A, para motos, ou a chamada ACC (Autorização para Conduzir Ciclomotores), um documento pouco conhecido do público e que tem baixíssima procura. A CNH do tipo "A" permite guiar qualquer tipo de moto, enquanto a ACC é restrita aos ciclomotores, ou seja, modelos de até 50 cc. Por outro lado, tirar a ACC é mais rápido, porque são exigidas menos horas-aula. Com a ACC, não é permitido guiar motos mais potentes. Ela tem o mesmo visual da CNH: em todas as carteiras de habilitação existe um campo chamado ACC, que será preenchido (para quem tem a CNH ele costuma ter uma tarja preta). (G1)

Homicídio em Ibicaraí; jovem é morto a tiros

Um jovem, de prenome Edvaldo, foi morto a tiros na tarde desta segunda feira (30), em Vila Isabel, Ainda não temos informações sobre autoria e motivação do crime..

ONG ibicaraiense coleta fundos para proteção de cães e gatos






Texto e fotos: Antonio Lima
O Brasil tem a segunda maior população de cães do mundo. Só os cachorros que têm um lar somam 52,2 milhões – e os gatos em torno de 22 milhões (IBGE 2014). Não há dados de quantos vivem nas ruas brasileiras. Estima-se que 70% dos nossos cães e gatos sejam semi-domiciliados, ou seja, recebem cuidados de uma pessoa ou da comunidade, mas vivem parcialmente na rua; e outros 10% vivem totalmente abandonados.
Silvana Menezes, mais conhecida como Silvana de Joaquim, dedica grande parte de sua vida à causa animal. Ela cuida de cães e gatos abandonados pelos donos e tenta dar uma vida mais digna aos bichos há oito anos em Ibicaraí. Recentemente o trabalho ganhou um impulso importante: a criação de uma ONG, denominada 'Resgate Animal, por Amor a Vida'.
Além de Silvana Menezes, que preside a ONG, também fazem parte ativa do projeto: Idma Monteiro, Beatriz Carvalho, Elaine Lima, Lucivânia Campelo, Lutércia Dória, Márcia Ceo e Lindaura Santos, todas empenhadas em cuidar de algo em torno de 100 cães e 50 gatos, divididos em suas residências. A ONG tem realizado alguns eventos beneficentes para arrecadar fundos, como o realizado no período da manhã do último sábado, 28, no Calçadão Dagmar Pinto, onde venderam tortas doces e salgadas para os transeuntes, com o objetivo de arrecadar fundos e doações, fundamentais para que os gastos com alimentação e veterinário sejam cobertos.
Apesar de saberem que a estrutura residencial ainda não é a ideal, Silvana e suas colegas sonham com a doação de um terreno para construir um abrigo com melhor capacidade e que ofereça melhores condições aos animais.
A presidente da ONG, Silvana Menezes, assume que a entidade ainda não possui a divulgação que merece, no entanto as pessoas que quiserem colaborar podem entrar em contato pelos telefones 73-99106-1744\73-98121-0618 e 73-3242-2927. Mesmo que você não possa adotar um novo amigo, a sua colaboração já faz a diferença.

Renan fez campanhas com dinheiro arrecadado por PC Farias, diz Pedro Corrêa

Foto: Divulgação
Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL)
O ex-deputado federal Pedro Corrêa, em delação premiada fechada com a Operação Lava Jato, afirmou que o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), fez “campanhas eleitorais com recursos arrecadados por PC Farias” – Paulo César Farias, o ex-tesoureiro da campanha presidencial de Fernando Collor de Mello (PTC-AL), encontrado morto em 1996, num dos mais enigmáticos episódios da história política brasileira, que completa este mês 20 anos. “Renan fez suas campanhas com o dinheiro arrecadado por PC Farias”, registra o “Anexo 51”, um resumo da delação de Corrêa fechada com a Procuradoria Geral da República (PGR) sobre Renan Calheiros. O presidente do Senado é investigado por suposto envolvimento na corrupção sistematizada na Petrobrás e outras estatais, nos governos Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. A acusação de Corrêa remonta a década de 1990. PC Farias foi o tesoureiro da campanha presidencial de Collor, em 1989, e pivô do impeachment, em 1992, acusado de corrupção. “Renan Calheiros fazia parte de um grupo que ficou conhecido como ‘República de Alagoas’. Isto porque, Collor, quando assumiu a Presidência da República, trouxe uma série de auxiliares (Zélia Cardoso, Margarida Procópio, Geraldo Bulhões, Renan Calheiros, etc) da época que era prefeito de Maceió e governador de Alagoas”, registra o termo de Corrêa. Segundo o delator, a “República de Alagoas” era comandada “por Fernando Collor e PC Farias, que era arrecadador de propinas dos negócios realizados pelo grupo”. “Sabe de tudo isso porque convivia com PC Farias desde criança, fazendo política estudantil na ARES (Associação Recifense dos Estudantes Secundaristas), relembrando que o presidente da associação era Sérgio Guerra (senador e ex-presidente do PSDB, morto em 2014).”
Estadão

PT caminha para desistir de candidatura própria em Salvador; Lídice deve ser alternativa

por Fernando Duarte
PT caminha para desistir de candidatura própria em Salvador; Lídice deve ser alternativa
Foto: Luiz Fernando Teixeira/ Bahia Notícias
Reunião de dirigentes petistas realizada nesta segunda-feira (30) deu indicativos de que o PT não deve ter candidatura própria a prefeito de Salvador nas eleições de 2016. A informação, no entanto, circula apenas nos bastidores da legenda. À imprensa, os dirigentes devem manter o discurso de construir uma candidatura aliada com outros partidos que compõem a base do governador Rui Costa, com destaque para PCdoB, PSB, PSL e PSD. Até o momento, três petistas postulam a indicação para concorrer ao Palácio Thomé de Souza: o deputado federal Valmir Assunção, o vereador Gilmar Santiago e o ex-ministro Juca Ferreira. No PCdoB, a candidatura da deputada federal Alice Portugal é tratada como irreversível, o que seria, inclusive, um empecilho para uma coalisão com o PT – a parlamentar não apresentaria margem suficiente para crescimento numa corrida eleitoral. Já no PSB, o nome da senadora Lídice da Mata pontuaria bem em pesquisas internas, o que sugeriria uma tendência a encabeçar uma chapa representando o projeto defendido pela base aliada do governador. Outros partidos que orbitam na esfera de influência de Rui, a exemplo do PSD e do PSL estariam com compromissos firmados para a chapa proporcional e o apoio à composição com o PT seria por tabela. O Bahia Notícias procurou o presidente estadual do PT, Everaldo da Anunciação, porém desde o começo da manhã não conseguiu contatá-lo por telefone.

Ministério Público aponta fraudes de R$ 2,5 bilhões no Bolsa Família

por Isadora Peron e Gustavo Aguiar | Estadão Conteúdo
Ministério Público aponta fraudes de R$ 2,5 bilhões no Bolsa Família
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Um levantamento feito pelo Ministério Público Federal apontou suspeitas de fraudes no pagamento do programa Bolsa Família que podem chegar a R$ 2,5 bilhões e atingir 1,4 milhão de beneficiários. Entre as possíveis irregularidades encontradas pelo órgão há saques realizados por pessoas que já morreram, indivíduos sem CPF ou com CPFs múltiplos, além de pessoas que estariam recebendo o benefício sem ter direito, como servidores públicos e doadores de campanhas políticas. Os dados foram levantados a partir do cruzamento de informações do cadastro de beneficiários com dados da Receita Federal, Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e Tribunais de Contas. Essas irregularidades foram identificadas em pagamentos feitos entre 2013 e 2014. O Ministério Público deu prazo de 30 dias para que o Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário informe quais providências serão tomadas diante de inconsistências identificadas. O levantamento fez parte de um projeto lançado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em junho do ano passado, e tem como objetivo de combater as fraudes do programa. Em nota, o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário afirmou que "não ignora a possibilidade de irregularidades ocorridas na gestão anterior", isto é, da presidente afastada Dilma Rousseff. O texto também diz que a "pasta está empenhada em aperfeiçoar o controle e os mecanismos de fiscalização dos beneficiários do Bolsa Família" e que integrantes do ministério entraram em contato com o Ministério Público Federal para tratar do assunto e criar um comitê de controle "para depurar e garantir que o Bolsa Família seja destinado para quem mais precisa".

Governador do RJ defende pena de morte e pede punição violenta para caso de estupro

Governador do RJ defende pena de morte e pede punição violenta para caso de estupro
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil
O governador em exercício do Rio, Francisco Dornelles, defendeu que gostaria que fosse aplicada uma pena de morte aos responsáveis pelo caso de estupro coletivo contra uma adolescente de 16 anos na última semana. Em entrevista coletiva concedida nesta segunda-feira (30), ele ainda pediu a punição "mais violenta possível" aos criminosos. "Eu considero o crime de estupro o mais hediondo dos crimes. Se dependesse de mim ele seria punido com a pena de morte. Eu ontem estive com o Fernando Veloso [chefe da Polícia Civil do Rio] e pedi que o estado fosse profundo, para tomar todas as medidas, uma punição... A mais violenta possível”. Dornelles também afirmou que pediu prioridade máxima para a investigação do crime. Nesta segunda, a delegada Cristiana Bento, da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), apontou que o estupro está provado e que agora é necessário apurar a extensão do crime (veja mais).

Laudo de vítima de estupro coletivo não aponta violência

O programa Bom Dia Rio, da TV Globo, informou na manhã desta segunda-feira (30), que o laudo da perícia sobre o caso do estupro coletivo a uma menina de 16 anos, ocorrido na zona oeste do Rio de Janeiro, não apontou indícios de violência.
Segundo o noticiário, o resultado ocorreu por causa da demora da vítima em fazer o registro na polícia e o exame de corpo de delito. O laudo será divulgado na tarde desta segunda-feira pela Polícia Civil.
Desde a madrugada desta segunda-feira (30), a Polícia Civil realiza buscas para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão contra seis acusados de participar do estupro coletivo de uma adolescente de 16 anos, no Morro do Barão, na Praça Seca, zona oeste do Rio de Janeiro.
A ação é coordenada pela delegada Cristiana Onorato, da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV), pelo diretor do Departamento Geral de Polícia Especializada, Ronaldo de Oliveira.

PF prende ex-presidente do PSDB de Minas Gerais

Cinco mandados de prisão foram cumpridos na manhã desta segunda-feira (30) durante a operação Aequalis, em Belo Horizonte. Um dos detidos é o ex-deputado federal Nárcio Rodrigues da Silveira (PSDB), que foi secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais durante o governo de Antonio Anastasia (PSDB), entre dezembro de 2010 e novembro de 2014. Nárcio da Silveira também foi presidente do partido em Minas.
Nesta manhã, o ex-secretário foi levado no carro da polícia para a sede do Ministério Público Estadual de Minas Gerais (MPE-MG), na capital mineira. A operação envolve o Grupo Especial de Promotores de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e a Polícia Militar (PM). Silveira é ouvido na promotoria, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. A defesa dele não foi localizada.
De acordo com a PM, 16 mandados foram cumpridos nas regiões Centro-Sul e Noroeste da capital mineira. Documentos e computadores foram apreendidos em 14 endereços. Houve também buscas em Uberaba, no Triângulo Mineiro, onde três mandados de busca e apreensão são cumpridos nesta segunda-feira (30), conforme o MPE-MG.
A assessoria de imprensa do Ministério Público informou que a operação Aequalis, do latim igual, tem a participação do Grupo Especial de Promotores de Justiça de Defesa do Patrimônio Público, mas ainda não há informações sobre o crime em investigação.

Ex-participante do The Voice Brasil morre em acidente de trânsito

O cantor Renan Ribeiro, de 26 anos, morreu na noite deste domingo (29), em um acidente de carro na rodovia João Tozella (SP-147), na cidade de Mogi Mirim. Ele ficou conhecido por ter participado da última edição do reality show The Voice Brasil.
De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, Renan perdeu o controle de sua caminhonete e bateu de frente com um caminhão que vinha no sentido oposto. O automóvel do cantor capotou por diversas vezes e seu corpo foi arremessado para fora, morrendo no local.
O motorista do caminhão disse à polícia que viu o carro da vítima perder o controle, mas não conseguiu desviar a tempo de evitar o acidente. O corpo do cantor foi levado para o Instituto Médico Legal de Mogi Guaçu (SP) e ainda não há informações sobre o local e o horário do velório.
Na quarta-feira (25), ele chegou a publicar nas redes sociais uma mensagem comemorando as 100 mil visualizações do clipe de Nhé Nhé Nhé, música que lançou em parceria com a dupla Bruno & Barreto.

Três da mesma família morrem em acidente na BR-101

Três pessoas de uma mesma família morreram carbonizadas após um acidente automobilístico envolvendo uma carreta e uma pequena caminhonete Ford Pampa, ocorrido por volta das 19horas deste domingo, dia 29 de maio, na rodovia BR-101, em um trecho conhecido como curva da Sapucaieira, distante cerca de cinco quilômetros do perímetro urbano de Eunápolis. Em depoimento à Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista da carreta, Thiago da Silva, de 29 anos, relatou que seguia rumo a Eunápolis, quando fora surpreendido pela Pampa, placa JLV-6453, completamente desgovernada, que rodou na pista, tornando a colisão frontal inevitável. Após a batida a Ford Pampa pegou fogo e os três ocupantes morreram carbonizados. As vítimas fatais foram identificadas como Rodrigo Marques dos Santos, de 52 anos, a esposa dele, Rozilene de Jesus Silva, 39, além de Paloma Silva Santos, de 14 anos de idade, que seria enteada da mulher. Os corpos foram removidos ao IML de Eunápolis. (Sul Bahia News)

IBICARAÍ: A arte flui do improvável, nascendo de velhos pneus e se moldando pelos cantos da cidade












Texto: Arnold Coelho - Fotos: Blog do ABN e Waldyr Montenegro
O artista não escolhe data nem local para nascer, simplesmente nasce, brotando em um canto qualquer desse nosso inexplicável planeta e com a sua arte (muitas vezes oculta), que surge da necessidade e do meio em que vive, afinal o homem é produto desse meio. E mesmo o lixo sendo o centro dessa história, tudo vira arte nas mãos do artista.
O gari contratado da Prefeitura Municipal de Ibicaraí, Adeilton Silva de França, ou Del, é um exemplo claro que a arte e o artista não escolhem lugar para nascer e muito menos condição social. Del concilia o seu trabalho de gari para extrair do improvável - o lixo - a sua matéria-prima para transformar em arte locais antes perdidos pelo lixo e o descaso de todos. O que antes era um local de desprezo e abandono vira atração e admiração de quem passa pelo lugar recuperado pelo artista.
Tudo começou pelo bairro Duque de Caxias (bairro onde mora), mais propriamente em uma praça na entrada da localidade, e que vivia abandonada, servindo de local para pastagem de animais. Del então resolveu iniciar (por conta própria) a recuperação da praça. Ele quis extrair do lixo e dos pneus velhos - que ficavam no local - a sua arte. Com uma criatividade natural de todo artista Del fez dos pneus velhos diversas formas, como cisnes, araras, cobras, tucanos, sapos, jacarés, elefantes, além de jardineiras e bancos e transformou uma praça abandonada em um local de visitação. 
Vale ressaltar que o gari artista usou os seus momentos de folga para fazer a praça no bairro Duque de Caxias, sem nenhuma remuneração, e ainda cuida das plantas, irrigando e adubando tudo, para manter o local vivo, além da pintura nos diversos pneus velhos que ele usa na composição da sua arte.
O projeto deu tão certo que pessoas já procuram o artista para recuperar pontos pela cidade que antes só serviam para depósito de lixo. Exemplo disso foi um ponto de lixo na BR-415, próximo a Distribuidora de Gás Brasilgás. O local serviu - durante anos - de depósito de lixo a céu aberto, de parte da população dos bairros Novo e Mutirão. Del, a pedido do chefe do Departamento de Limpeza da prefeitura, Antônio Estrela, transformou em alguns dias o que era depósíto de lixo em um lindo canteiro com animais e jardineiras extraídos de velhos pneus. Segundo Antonio Estrela, Del, por ser servidor público municipal para o serviço de gari e durante os dias trabalhados na confecção e montagem do canteiro na BR não trabalha na coleta do lixo. "Estamos pensando em recuperar outros pontos na cidade e pretendemos ficar com Del só na recuperação dessas áreas críticas, onde as pessoas colocam lixo de forma irresponsável", disse Estrela.
A história da humanidade mostra que a genialidade do artísta na maioria das vezes só é verdadeiramente reconhecida pelas gerações seguintes. Isso não é uma afirmação de que estamos diante de um gênio (longe disso), mas, o fato é que os pneus velhos sempre estiveram jogados pelos quatro cantos da cidade sem nenhuma utilidade. Del conseguiu enxergar arte nesses pneus e está mudando o visual da nossa cidade.
Que esse Garí Artista possa continuar embelezando nossa querida Ibicaraí, transformando cantos perdidos pela cidade e depósitos naturais de lixo em obras de arte e locais de visitação. E que o poder público municipal, o empresariado local e a sociedade civil organizada possam contratar esse e outros artistas com ideias baratas e critivas que ajudem a melhorar a vida dos moradores locais.

Delação não livra Sérgio Machado de atos de Sérgio Moro

As gravações do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado com políticos do PMDB, feitas como parte de sua estratégia para conseguir o acordo de delação premiada homologado pelo Supremo Tribunal Federal, não afastam a possibilidade dele ser julgado na 13ª Vara Federal, em Curitiba – origem e sede dos processos em primeiro grau da Operação Lava Jato. Considerado o novo “homem-bomba” do escândalo Petrobras, o medo de Machado é ser julgado pelo juiz Sérgio Moro, responsável por 158 prisões e 93 condenações no caso. Até aqui, foram tornadas públicas conversas com o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), o ex-presidente José Sarney (AP) e o senador Romero Jucá (RR) – exonerado do cargo de ministro do Planejamento, um dia após a divulgação dos conteúdos. Nos áudios os peemedebistas mencionam a preocupação com a prisão de Machado, por Moro, e os avanços da Lava Jato, em Curitiba. Com um rombo no caixa da Transpetro reconhecido em balanço de R$ 256,6 milhões por desvios em contratos de R$ 8 bilhões, um adiantamento de R$ 511 milhões para estaleiros de empreiteiras do cartel acusado de corrupção na Petrobras e a confissão de três delatores sobre propinas nos negócios da subsidiária, Machado segue investigado em um inquérito aberto em Curitiba. É nessa apuração que o ex-executivo da Transpetro ainda pode virar réu de Moro pelos crimes praticados por ele de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Investigadores e advogados especialistas em delação, ouvidos em reservado, avaliaram que ao arrastar políticos da cúpula do PMDB com foro privilegiado para o centro do escândalo, a delação premiada de Machado pode ter afastado temporariamente o risco de uma prisão preventiva decretada em Curitiba – tratada nas conversas como a “Torre de Londres”, referência ao castelo inglês que nos séculos 16 e 17 foi prisão e local de torturas. Mas não afasta a possibilidade de denúncia criminal contra ele por crimes na Transpetro – a não ser que o Supremo expressamente proíba esse desmembramento.
Estadão Conteúdo

Filho de 7 anos de Temer tem R$ 2 milhões em imóveis

Foto: Reprodução / TV Globo
Presidente em exercício Michel Temer
Aos 7 anos de idade, completados em 2 de maio, Michel Miguel Elias Temer Lulia Filho, mais conhecido como Michelzinho, é proprietário de pelo menos dois imóveis cujos valores somados superam R$ 2 milhões. O pai, Michel Miguel Elias Temer Lulia, de 75 anos, presidente em exercício da República, passou para o nome do único herdeiro do seu casamento com Marcela Temer dois conjuntos comerciais que abrigam seu escritório político em São Paulo. Localizados no Edifício Lugano, no Itaim-Bibi, zona sul da capital paulista, cada conjunto tem 196 m² e valor venal de R$ 1.024.802, segundo a Prefeitura de São Paulo – os dados são públicos e podem ser consultados na internet. O valor de mercado costuma ser de 20% a 40% mais alto do que o valor de referência usado pela Prefeitura para calcular o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Mesmo assim, na declaração de bens que Temer apresentou à Justiça Eleitoral em 2014, cada conjunto é avaliado em apenas R$ 190 mil. Isso é comum nas declarações de políticos, pois os imóveis costumam ser declarados pelo valor de quando foram comprados. A legislação não obriga a atualização do valor. Leia mais no Estadão.
Estadão

Banco abre vagas de estágio na Bahia

A Caixa Econômica Federal (Caixa) abriu a seleção para estagiários de nível superior em Direito. Podem participar estudantes que estejam cursando, no mínimo, até a assinatura do contrato, o 7º ao 9º semestre do curso. 

As oportunidades são para as capitais: Maceió – AL, Salvador – BA, Fortaleza – CE, São Luis – MA, João Pessoa – PB, Recife – PE, Teresina – PI, Natal – RN, Aracaju – SE, Manaus – AM, Belém – PA, Porto Velho – RO, Brasília – DF, Goiânia – GO, Campo Grande – MS, Cuiabá – MT, Vitória – ES, Belo Horizonte – MG, Rio de Janeiro – RJ, São Paulo – SP, Curitiba – PR, Porto Alegre – RS e Florianópolis – SC. A bolsa auxílio é de R$ 1.000,00, mais o valor de R$ 135,00, referente ao auxílio transporte, para estagiar em jornadas diárias de cinco horas. 

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas até o dia 2 de junho pelo site. Os alunos inscritos serão avaliados por meio de provas onlines, discursivas/ presenciais e entrevistas. As provas presenciais provavelmente devem ser aplicadas no dia 17 de julho de 2016, em locais e horários divulgados pelo site do Ciee.

Salvador é a capital com menor número de fumantes no brasil, de Ministério da Saúde

Salvador é a capital com menor número de fumantes no brasil, de Ministério da Saúde
Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas
Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelam que dez mil mortes são registradas diariamente em decorrência do consumo de cigarro em todo planeta. O estudo indica ainda que o tabaco é a principal causa de óbitos no mundo, seguida pelo álcool e pela inalação indireta do fumo, ou seja, que atinge aquele indivíduo que convive com fumantes. Apesar dos números alarmantes, o Ministério da Saúde destaca Salvador como a capital brasileira com o menor índice de fumantes, onde 7% da população adulta declara fazer uso do cigarro.  O baixo consumo de tabaco na capital baiana é atribuído, além da conscientização da população, ao intenso trabalho realizado pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), através do Programa de Controle ao Tabagismo (PMCT). "Somente no ano passado, aproximadamente mil pessoas participaram dos grupos de tabagismo nas nossas unidades de saúde. Nosso objetivo é não só a cessação do hábito de fumar, mas também a prevenção de recaídas. Com isso, atingimos uma média satisfatória de 43% dos participantes deixaram de usar o cigarro", afirmou Carla Germiniana, coordenadora do PMCT. O tratamento totalmente gratuito oferecido nas unidades de saúde do município consiste, inicialmente, por uma avaliação clínica e um teste para estimar o grau de dependência química e psicológica dos pacientes. A partir daí, os usuários passam a participar de sessões de grupo para discutir as doenças relacionadas ao tabaco e as vantagens de se parar de fumar. Os dependentes que tiverem necessidade são encaminhados para uso de medicamentos, também oferecidos gratuitamente pelo SUS.

Lava Jato se reconfigura com mudança política e demissão de ministros de Dilma

por Isadora Peron e Ricardo Brandt | Estadão Conteúdo
Lava Jato se reconfigura com mudança política e demissão de ministros de Dilma
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
A demissão de ministros do governo Dilma Rousseff e a cassação do mandato do senador Delcídio Amaral (sem partido-MS) provocarão uma reconfiguração na Operação Lava Jato. Assim, a expectativa do juiz federal Sérgio Moro de terminar até dezembro os processos na 1ª instância, dita por ele a interlocutores, não deve se concretizar. Sem direito a foro privilegiado, membros do primeiro escalão do governo da petista investigados por envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras começam a ter seus inquéritos e ações penais redistribuídos para varas estaduais. Além do maior volume de casos que deve chegar a Curitiba, na 13ª Vara, haverá uma distribuição das apurações da Lava Jato para outros Estados. Além de Curitiba e Brasília, há braços das apurações em São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás, Rio Grande do Sul e Pernambuco. Na prática, os casos que envolvam peemedebistas investigados abrigados no governo Michel Temer devem se concentrar em Brasília, na Procuradoria-Geral da República, que tem competência para processar pessoas com foro especial. Processos e inquéritos que envolvem líderes do PT devem sair do Supremo Tribunal Federal e irem para a Justiça Federal no Paraná e em outros Estados. Recentemente, por exemplo, o ministro Teori Zavascki, relator no STF, decidiu que as investigações sobre o ex-ministro da Comunicação Social Edinho Silva, citado na delação de Delcídio, não tinham relação com o esquema na Petrobras e mandou o processo para a Justiça do Distrito Federal. O ex-ministro, no entanto, é alvo de outro inquérito no Supremo, por causa da delação do empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC. Edinho nega irregularidades. Caberá a Teori avaliar ainda se as investigações que atingem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ex-ministros de Dilma, como Jaques Wagner, Aloizio Mercadante, José Eduardo Cardozo e Ricardo Berzoini, devem continuar no STF ou se passarão para a 1ª instância. Lula, cuja nomeação foi barrada pela Corte, busca manter o foro privilegiado.

Forró TicoMia 2016 Programação Ibicuí




Uma das maiores festas de camisa do São João da Bahia, o Forró TicoMia 2016, já tem data para acontecer. Dia 25 de junho, o público vai aproveitar a programação do evento na fazenda El Dourado, em Ibicuí, interior da Bahia.

Programação Forró TicoMia 2016

Acompanhem o som da banda Mastruz com Leite, uma das atrações do TicoMia 2016. A música é “Tanto Amor”.
Mastruz com Leite
Gigantes do Brasil
Lordão
Gabriel Diniz
Cavaleiros do Forró
Espetáculo Cabaré (com Leonardo e Eduardo Costa)

O Forró TicoMia

O Forró TicoMia surgiu com a iniciativa de um grupo de universitários que queriam criar uma festa que valorizasse o forró, a dança e o ritmo típicos da região. Atualmente, ele costuma reunir um público de 10 mil pessoas todos os anos.
Em 2016, a festa irá completar sua 29ª edição e vai trazer atrações como a banda Mastruz com Leite e o espetáculo Cabaré, que reúne dois grandes nomes da música sertaneja, os cantores Eduardo Costa e Leonardo.
O Forró TicoMia 2016 vai trazer uma estrutura completa para o público e ainda terá serviço all inclusive, com open bar completo (cerveja, refrigerante, água, licor, sorvete de cachaça, energético, caldo de cana, água de côco, ligante e pingas diversas) e open food  de espetinhos diversos (carne, porco, frango e calabresa), acarajé, abará, queijo coalho, crepes, beiju, boi no rolete, doces e comidas típicas.
Ibicuí, que em tupi significa “água do pó da terra”, é um município da Bahia que faz divisa com Dário Meira, Itororó e Firmino Alves. É conhecido principalmente pelas festas de São João e durante o período junino, o número de visitantes pode chegar a ultrapassar o número de moradores.

Ingressos Forró TicoMia 2016

Os ingressos estão sendo vendidos em pontos físicos e online, pelo site Pimenta Ingressos (www.pimentaingressos.com). Acompanhem os valores:
R$280,00 – em dinheiro
R$310,00 – no cartão
*os valores referem-se ao 1º lote e podem sofrer alteração. Mais informações pelo telefone (73) 3041 6247.
Pontos de venda físicos: 
Pontos de venda para ingressos do Forró TiocMia 2016. Foto: Facebook / Divulgação.

PASSAGEM DA TOCHA OLÍMPICA EM FLORESTA AZUL



Clip da passagem da Tocha Olímpica por Ibicaraí

'Vão ter que se ajoelhar', diz Dilma sobre relação do governo Temer e Cunha

'Vão ter que se ajoelhar', diz Dilma sobre relação do governo Temer e Cunha
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
A presidente afastada Dilma Rousseff acredita ter chance de reverter o processo de impeachment, mas calcula uma margem acima dos 27 necessários para a votação definitiva no Senado. “É melhor falar que precisamos de 30”, disse, em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo. Para a petista, um dos motivos para apostar na virada é o fato de vários senadores votarem favoráveis à abertura do processo sem citar o mérito da ação. “Sobretudo porque as razões do impeachment estão ficando cada vez mais claras. E elas não têm nada a ver com seis decretos ou com Plano Safra”, apontou, citando 30 decretos semelhantes assinados por Fernando Henrique Cardoso e 4 por Lula. “Quando o TCU disse que não se podia fazer mais [decretos], nós não fizemos mais. O Plano Safra não tem uma ação minha. Pela lei, quem executa [o plano] são órgãos técnicos da Fazenda. Ou seja, não conseguem dizer qual é o crime que eu cometi”, avaliou. Dilma ainda mencionou as gravações do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, e defendeu que a articulação em torno do impeachment tinha como razão impedir o avanço da Operação Lava Jato. “Eu li os três [diálogos]. Eles mostram que a causa real para o meu impeachment era a tentativa de obstrução da Operação Lava Jato por parte de quem achava que, sem mudar o governo, a "sangria" continuaria. A "sangria" é uma citação literal do senador Romero Jucá”, afirma, destacando não ter interferido na apuração. “Outro dos grampeados diz que eu deixava as coisas [investigações] correrem. As conversas provam o que sistematicamente falamos: jamais interferimos na Lava Jato. E aqueles que quiseram o impeachment tinham esse objetivo. Não sou eu que digo. Eles próprios dizem”, ressalta. Questionada sobre o peso da crise econômica e das dificuldades de relacionamento com o Congresso, Dilma definiu o processo de impeachment como fruto da “combinação da crise econômica com uma ação política deletéria”. “Pior: propuseram as "pautas-bomba", com gastos de R$ 160 bilhões. O que estava por trás disso? A criação de um ambiente de impasse, propício ao impeachment. Cada vez que a Lava Jato chegava perto do senhor Eduardo Cunha, ele tomava uma atitude contra o governo. A tese dele era a de que tínhamos que obstruir a Justiça”, disse. Enumerando nomeações como a de Alexandre de Moraes (ministro da Justiça) e de cargos internos da Casa Civil, a presidente aponta que Cunha é “a pessoa central do governo Temer”. “Isso ficou claríssimo agora, com a indicação do André Moura [deputado ligado a Cunha e líder do governo Temer na Câmara]. Cunha não só manda: ele é o governo Temer. E não há governo possível nos termos do Eduardo Cunha”, considera, para completar: “Vão ter de se ajoelhar [a Cunha]”.