BRASILEIROS COMEM PRODUTOS PODRES E ADULTERADOS DA FRIBOI, SADIA, SEARA E PERDIGÃO


Roberto de Sena
Mural do Oeste

A Polícia Federal através da “Operação Carne Fraca” deflagrada nesta sexta-feira, 17, mostrou um dos mais sórdidos esquemas de corrupção que se tem notícia no País. Empresas como a Friboi, Seara, Perdigão, Sadia e outros vendem carne, frango, presunto, salsicha, mortadela, linguiça e outros produtos completamente podres.

Além disso, utilizam papelão, sacos plásticos, produtos para fabricar camisinha, entre diversas outras porcarias para maquiar os seus venenos. Inocente, o povo brasileiro, acreditando na idoneidade desta marcas, consumia largamente estes produtos. Dai não ser difícil estabelecer uma relação entre o assustador aumento de casos de câncer, problemas cardíacos, problemas renais, AVC, diabetes entre tantas outras doenças fatais que ceifam a vida de milhares de pessoas todos os anos. É um verdadeiro assassinato em massa. 

Na verdade já se desconfiava que as empresas de gêneros alimentícios utilizavam venenos mortíferos que são processados com a finalidade de maquiar os produtos e aumentar o lucro, pouco importando  às consequências nefastas que isso provoca na saúde do povo. Não é a toa que hoje crianças de 7 anos já tem seios, com 10 já estão menstruando. Isso, segundo especialistas - é fruto de hormônios excessivos e outros venenos provenientes da alimentação. 

Os pediatras  e as nutricionistas estão recomendado a todo momento que crianças não se alimentem com produtos industrializados pelos sérios danos que provocam a saúde. Pelo que mostrou a operação da PF, estas indústrias não tem nenhum resquícios de consciência e não se importam em matar milhares de pessoas todos os dias, desde que para isso os seus lucros estejam garantidos. Fica este alerta para toda a população brasileira. claro que nem todos agem assim, deve existir gente séria, que pensa no ser humano e procura oferecer um produto de qualidade. Mas, em todo caso, quando se for consumir qualquer produto, o melhor, o mais seguro, é buscar os orgânicos, o frango de quintal ou criado na roça. Os produtos que vem com liberação do governo parecem não oferecer segurança nenhuma para a população. Pelo menos esta é a sensação que fica depois da revelação deste caso assustador que provoca pânico em todo povo brasileiro. Por conta do escândalo a Polícia Federal cumpriu 309 mandados judiciais – 27 de prisão preventiva, 11 de prisão temporária, 77 de condução coercitiva e 194 de busca e apreensão – contra pessoas ligadas aos frigoríficos JBS, dono da Friboi e da Seara, e BRF Foods, proprietária das marcas Sadia e Perdigão. Para a  PF, essas empresas vendem produtos podres, vencidos e moídos com papelão. Que papelão!
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!