Geraldo Simões e os “companheiros”


Marco Wense
Foi boa a entrevista de Geraldo Simões no programa Resenha da Cidade do polêmico e inquieto Roberto de Souza. O ex-prefeito de Itabuna mostrou a sua insatisfação com a cúpula do PT.
Sobre Josias Gomes, um ex-geraldista de carterinha, Geraldo disse que “a diferença política é cada vez maior”. E no seu jeito, alfinetou: “Eu nunca iria tomar uma no camarote de Fernando Gomes”.
Em relação a Everaldo Anunciação, presidente estadual da legenda, Geraldo Simões argumentou que “o PT precisa cuidar mais do PT”, se referindo as exageradas concessões aos partidos da base.
Indagado pelo radialista sobre essas concessões, o ex-alcaide disse que “o governador Rui Costa errou feio a não participar das eleições dos candidatos a prefeito do PT”, obviamente se referindo a Itabuna e aos municípios do sul da Bahia.
Mostrando firmeza e tranquilidade, querendo passar a imagem de que tem independência, que é dono do seu próprio nariz, desabafou: “Eu tenho minha vida, não devo obediência cega a ninguém”.
Mas o grande momento da entrevista ficou com a resposta que Geraldo Simões deu a Roberto de Souza quando questionado sobre a candidatura de Rui Costa à reeleição: “O meu candidato do coração é Jaques Wagner”
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!