Procura por repelentes pelas gestantes do Bolsa Família tem sido abaixo do esperado


A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) informou que apenas 63 gestantes se dirigiram ao Centro Unificado de Inclusão, Desenvolvimento, Assistência e Referência Social (Cuidar) para retirada de repelentes nos primeiros três dias de distribuição. A estratégia, voltada a participantes do Bolsa Família, foi iniciada na última quarta-feira (22), com o objetivo de prevenir o contágio de arboviroses. A expectativa inicial da secretaria era atender 500 mulheres por dia. "É muito importante que as gestantes verifiquem a programação para recebimento dos repelentes e compareçam à sede da Semps, sempre no período da tarde, das 13h às 17h. A procura ainda é pequena, por isso estamos intensificando a divulgação para a comunidade por meio dos veículos de comunicação e dos agentes comunitários nos bairros", alertou Adriana Miranda, coordenadora de Atenção Primária da SMS. Para retirada do produto, é necessário apresentar documento de identificação com foto, CPF, cartão do titular do Bolsa Família e caderneta da gestante. É possível consultar o calendário de distribuição no site da secretaria.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!