Apesar de estar ‘cagando e andando’ em 2015, Leão volta a ser alvo de pedido de inquérito



vice-governador baiano João Leão (PP) voltou a ser citado em um pedido de inquérito formulado pela Procuradoria Geral da República – apesar da própria PGR declinar da competência para investigar o progressista para a Justiça Federal da Bahia (veja aqui). Leão foi citado, em 2015, na chamada primeira lista de Janot, em referência aos pedidos de investigação solicitados pelo procurador-geral Rodrigo Janot em março daquele ano. Os atos dele que foram alvos de Janot em 2015 eram da época do exercício do mandato de deputado federal, antes de Leão assumir a vice-governadoria. Questionamento sobre o posicionamento, Leão polemizou ao dizer que estava “cagando e andando na cabeça desses cornos” (lembre aqui). As declarações foram minimizadas por aliados e, apesar do pedido de 2015, o vice-governador não se tornou alvo formal de denúncia ou réu em processos no âmbito da Operação Lava Jato.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!