Governo municipal quer garantir funcionamento de serviços essenciais durante a greve geral


Atendendo a uma solicitação da Associação Comercial de Itabuna, Câmara de Diretores Lojistas, Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista do Município Itabuna, o vice-prefeito Fernando Vita convocou uma reunião com autoridades de segurança, representantes da OAB e da classe empresarial para avaliar as expectativas com a greve geral convocada para amanhã pela CUT e partidos de oposição ao governo federal. A reunião teve a participação dos secretários de Governo, Maria Alice Araújo Pereira e de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, John Nascimento e o procurador geral do município, Luiz Fernando Guarnieri.
Ao lembrar que o prefeito Fernando Gomes está em Brasília negociando recursos para projetos estruturantes do governo e obras prioritárias, Fernando Vita fez questão de ressaltar que particularmente não é contra a paralisação, mas a preocupação é com direitos fundamentais da população e com a manutenção dos serviços essenciais de transporte, saúde e até mesmo de limpeza urbana.
Além de anunciar que a prefeitura vai funcionar normalmente, com ênfase para o setor de saúde, um serviço essencial, ele defendeu uma ação coordenada com as autoridades de segurança e com os empresários. O procurador geral do município, Luiz Fernando Guarnieri informou as providências adotadas na área jurídica pelo governo municipal, inclusive notificando aos sindicatos ligados aos servidores solicitando 30% do pessoal para garantir o funcionamento dos serviços essenciais para a população. Também notificou a Guarda Civil Municipal no sentido de reforçar a segurança dos prédios e do patrimônio público.
Segurança
O comandante do 15º Batalhão da PM, tenente-coronel Daniel Riccio informou que a Polícia Militar vai cumprir a legislação vigente e vem monitorando a mobilização da greve através das redes sociais, com apoio de 20 homens da área de informação. Ele anunciou que vai manter o policiamento normal e no planejamento das ações incluiu o monitoramento da saída dos ônibus nas garagens das empresas concessionárias do serviço para evitar incidentes.
O oficial da PM informou ainda que os efetivos poderão atuar em caso de incidentes e que montou um gabinete de crise no Centro Integrado de Comunicação (Cicom) com a participação de representantes da Polícia Militar e Civil, Polícia Rodovia Estadual e Federal, também convidou representantes da Guarda Civil Municipal e da Settran, para que acompanhem a situação no Cicom.  O tenente-coronel Riccio também manteve reuniões com a Secretaria Municipal de Trânsito, empresas de transporte e sindicatos mobilizados para a paralisação.
A inspetora da PRF, Polla Podanoski falou da expectativa de uma movimentação pacífica e sem incidentes, destacando que a unidade reforçou o policiamento nos acessos de Itabuna e na BR 415  interligação com Ilhéus. Já o presidente da OAB, Edmilton Carneiro informou que a entidade aderiu à paralisação nacional e vai manter um plantão para casos de emergência que necessitem a intervenção de advogados.
         Como diretor de promoções da CDL, Carlos Leahy manifestou a preocupação com a manutenção de 30% da frota de ônibus nas ruas, objeto de uma medida legal junto ao judiciário e falou das providências para que o comércio tenha um funcionamento normal.
         O presidente da ACI, Ronaldo Abude, destacou que ninguém é contra a greve convocada pela central de trabalhadores, mas citou o descumprimento da lei 7783 uma vez que não foi cumprido o artigo terceiro, o qual estabelece a necessidade de negociações entre representantes de trabalhadores e entidades patronais, uma negociação que não chegou a acontecer. Ele defende que seja respeitado o estado democrático de direito.
         A secretária Maria Alice Araújo Pereira informou que o governo municipal não é contra a greve, mas por determinação do prefeito vai monitorar a paralisação e cuidar da manutenção dos serviços essenciais. Ela destacou a importância da reunião com autoridades de segurança e empresários no sentido de garantir o funcionamento de empresas e para que sejam evitados incidentes.
______________________________________
Prefeitura Municipal de Itabuna
Assessoria de Comunicação Social
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!