Justiça bloqueia bens de parlamentares do PP, entre eles está o deputado federal Roberto Britto


A justiça do Paraná está apertando o cerco contra os políticos do Partido Progressista. Atendendo a uma ação do MPF por improbidade administrativa, requerendo uma indenização de mais de R$ 2 bilhões. O Juiz Friedman Vendpap determinou o bloqueio de R$ 477 milhões dos progressistas e mais dez políticos. Entre os políticos está o jequieense deputado federal Roberto Britto, a ação bloqueou os bens do parlamentar e exige do mesmo a devolução de mais de 8 milhões de reais ao cofres públicos. A reportagem do BJM procurou o deputado RB, mas ele não quis se pronunciar sobre o caso.

Veja abaixo os outros réus e os respectivos valores bloqueados: 

- Nelson Meurer (PP-PR): R$ 78,8 milhões - Mário Negromonte Júnior (PP-BA): R$ 2,733 milhões - Arthur Lira (PP-AL): R$ 7.767.776,96 - Otávio Germano (PP-RS): R$ 10,04 milhões - Luiz Fernando Faria (PP-MG): R$ 8,16 milhões - Robert Britto (PP-BA): R$ 8,16 milhões.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!