Marqueteiros do PT são condenados por Moro a sete anos de prisão



O marqueteiros João Santana e Mônica Moura foram condenados a sete anos de prisão pelo juiz Sérgio Moro. Apesar de absolvidos por corrupção, eles foram enquadrados em 19 atos de lavagem de dinheiro, informa O Globo.


O casal deveria cumprir a pena em regime fechado, mas por conta da delação premiada ele poderão substituí-la por prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica.

"Moro acertadamente absolveu-os do crime de corrupção pela segunda vez, uma vez que os valores recebidos foram em razão dos serviços de marketing prestados. Com relação à condenação do crime de lavagem, as penas serão substituídas pelas previstas no acordo de delação, uma vez que Moro reconheceu a contribuição das informações prestadas na colaboração", disse Juliano Campelo Prestes, advogado que fez a defesa dos condenados.

Esta manhã o ex-ministro Antonio Palocci também foi condenado por Moro. Ele pegou 12 anos de prisão por corrupção passiva.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!