Polícia do Rio de Janeiro prende suspeito de cooptar jovens para jogo 'Baleia Azul'


A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta quinta-feira (18) um suspeito aliciar crianças e adolescentes para o jogo conhecido como "Baleia Azul". Segundo informações da Agência Brasil, ele foi detido na cidade de Nova Iguaçu e admitiu ter cooptado cerca de 30 pessoas. O jogo costuma ser praticado por meio de redes sociais, como Facebook e Whatsapp, e estimula seus participantes a cumprir 50 tarefas, sendo a última delas o suicídio. A prisão fez parte da Operação Aquarius, que também determinou o cumprimento de 24 mandados de busca e apreensão em nove estados. O suspeito teria feito ameaças de morte às pessoas cooptadas e seus familiares como forma de manter os participantes no jogo. Foram encontradas 15 vítimas, todas com ferimentos e em estado de depressão. Nenhum suicídio em decorrência do "Baleia Azul" foi registrado nesse caso. No final de abril, a Secretaria da Saúde do Eatado da Bahia (Sesab) chegou a divulgar medidas preventivas para proteger e orientar adolescentes em razão de suspeitas de tentativas de suicídio estimuladas pelo jogo virtual (veja mais).
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!