Ucrânia reitera acusação de que Rússia está por traz de ataque cibernético


A Ucrânia está acusando serviços de segurança da Rússia de planejar e lançar um grande ataque cibernético que afetou computadores de todo o mundo nesta semana. A agência de segurança ucraniana, conhecida como SBU, afirmou que estruturas similares no vírus e ataques anteriores contra a infraestrutura do país indicam a participação da inteligência russa. A SBU ainda apontou que os responsáveis pelo ataque se mostraram desinteressados em lucros financeiros e estavam mais interessados em provocar caos na Ucrânia. As autoridades russas não se pronunciaram até o momento. Os computadores na Ucrânia foram os mais afetados pelo ataque cibernético, incluindo máquinas do governo, empresas de energia e caixas eletrônicos, que ficaram fora do ar temporariamente. Durante o ataque, empresas russas, incluindo a petrolífera estatal Rosneft, disseram que foram afetadas pelo ransomware. A maioria dos computadores voltou a funcionar 48 horas após o ataque. Em 2014, autoridades ucranianas acusaram a Rússia de apoiar ataques ao sistema de votos na eleição presidencial. Em 2015, as acusações voltaram à tona quando o fornecimento de energia elétrica foi interrompido. As relações entre Rússia e Ucrânia entraram em colapso em 2014, quando a Rússia anexou a região da Crimeia e começou a apoiar separatistas. 
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!