Crescimento da população carcerária feminina no Brasil foi de quase 700% em 16 anos


Em 16 anos, o crescimento da população carcerária feminina no Brasil foi de 698%. O número foi extraído de dados mais recentes do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça. Enquanto em 2000, havia 5.601 mulheres presas, em 2016, foram contabilizadas 44.721 detentas. Segundo informações da Agência Brasil, o levantamento mostra ainda que só de dezembro de 2014 a dezembro de 2016, o aumento foi de 19,6%. De todas as mulheres presas, 43% delas ainda não tiveram seus casos julgados em definitivo. Essas informações foram levadas ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta semana e culminaram num pedido de habeas corpus para mulheres grávidas; puérperas, ou seja, que pariram há menos de 45 dias; e mães de crianças com até 12 anos, que estejam sob sua responsabilidade. Diante da extensão do caso, o ministro Ricardo Lewandowski intimou ainda a Defensoria Pública da União (DPU) para atuar no caso.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!