PMDB comandou propina no Governo e na Prefeitura do Rio, diz Lava Jato


A força-tarefa da Operação Lava Jato afirma que o PMDB comandou um ‘esquema de cobrança de propinas’ no Governo do Rio e na Prefeitura da capital fluminense. Nesta quinta-feira, 3, foi preso na Operação Rio 40 Graus, desdobramento da Lava Jato, Alexandre Pinto, ex-secretário de obras da gestão Eduardo Paes (PMDB). “O esquema de cobranças de propinas comandado pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) no Rio de Janeiro, com desvio de recursos das obras bilionárias realizadas no estado, funcionava tanto na estrutura do Estado do Rio de Janeiro, comandado pelo ex-governador do Estado do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, com participação de Secretários de estado como Hudson Braga e Wilson Carlos, assim como na Prefeitura do Rio de Janeiro, também comandada pelos membros do PMDB, com a participação do Secretário Municipal de Obras Alexandre Pinto da Silva”, afirmou a Procuradoria da República. Hudson Braga, Wilson Carlos e Sérgio Cabral estão presos na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica. A Rio 40 Graus investiga o pagamento de propina sobre as obras da segunda etapa do BRT Transcarioca e de recuperação ambiental da Bacia de Jacarepaguá. O juiz federal Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal, do Rio, expediu nove mandados de prisão preventiva, um de prisão temporária, quatro de condução coercitiva e realiza busca e apreensão em 17 endereços. O magistrado determinou a custódia por tempo indeterminado do ex-secretário de Obras Alexandre Pinto e de fiscais de obras da Secretaria, além da condução coercitiva do ex-subsecretário de Obras Vagner de Castro Pereira e do ex-presidente da Comissão de Licitação da Secretaria Municipal de Obras Miguel Silva Estima.
Estadão Conteúdo
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!