Rússia aumenta restrições à carne brasileira; produtos da JBS estão entre alvos


A Rússia aumentou as restrições à carne exportada pelo Brasil no final de outubro. De acordo com informações do portal G1, a autoridade sanitária do país instituiu temporariamente a importação do frigorífico Mata Boi e impôs controles mais rígidos à JBS, Aurora, Frigo Estrela, Frigol e Frigon (Irmãos Gonçalves). O país foi o quarto mercado para a carne brasileira no ano passado, atrás somente da China, Hong Kong e Arábia Saudita, importando cerca de US$ 1 bilhão (o que corresponde a 7,5% das vendas). De acordo com o Serviço Federal de Vigilância Sanitária e Veterinária russo, foram encontradas substâncias fora dos padrões sanitários nos produtos. O frigorífico Frigon se manifestou sobre a decisão e afirmou que “continua exportando normalmente para a Rússia" e que cumpre "rigorosamente com todas as normas estabelecidas pelo Ministério da Agricultura". As outras cinco empresas não se posicionaram.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!