Associação repudia posição de Acm Neto e volta a cobrar pagamento de direitos autorais


A polêmica sobre o não pagamento por parte da prefeitura de direitos autorais a artistas que se apresentam em Salvador continua (entenda aqui). Após o prefeito ACM Neto (DEM) dizer que a questão está sendo resolvida judicialmente (veja aqui), a Associação Procure Saber, presidida pela atriz e produtora brasileira Paula Lavigne, esposa de Caetano Veloso, lançou uma nota de repúdio contra a posição da prefeitura. “A Associação Procure Saber, em nome de todos os seus membros e da respeitável parcela da música brasileira que representa, repudia veementemente a posição da prefeitura municipal, que está defendendo abertamente o não pagamento de direitos autorais por eventos financiados com dinheiro publico ou não, na cidade de Salvador”, diz a nota assinada por Paula. No comunicado, a associação ainda diz, em tom duro, que a prefeitura chegou no “fundo do poço das inversões de valores éticos, morais e legais”. “Problemas de caixa são enfrentados por todos os estados e municípios da união. Se falta de caixa for o argumento da “Cidade da Música” para defender uma tese onde os artistas não merecem ser remunerados pelo uso de suas criações, chegamos ao fundo do poço das inversões de valores éticos, morais e legais, tanto na administração pública quanto no manejo das artes”, criticou a entidade. A associação defendeu também que, por ter o título de Cidade da Música, reconhecido pela Unesco, a prefeitura tem a "obrigação moral de defender os artistas e criadores, não de trata-los como vilões”.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!