Chefe do tráfico de Itacaré morre em confronto com a PM



Valdinei Nascimento Santos, 29 anos, vulgo “Ney tatuador”, chefe do tráfico no bairro Novo, em Itacaré, morreu na manhã desta segunda-feira, dia 19, em confronto com o PETO da 72° CIPM e Rondesp Sul. Valdinei já trocou tiros com a PM por diversas vezes, e inclusive, era foragido da justiça, 

O socorro foi prestado pelos policiais à Fundação Hospitalar, mas não resistiu e veio a óbito. Segundo a polícia, Ney era líder da facção Raio A na localidade, era procurado pela justiça desde 2015, e contra ele contava cinco mandados de prisão por homicídio qualificado e tráfico. Com o mesmo foi apreendido um revólver com 04 munições deflagradas, um tablete de maconha e três petecas de cocaína.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!