Alunos Denunciam Questão De Prova De Medicina Com Teor Homofóbico Em GO.



Estudantes de medicina da Universidade de Rio Verde (UniRV), em Goiás, denunciaram um professor por homofobia em uma questão de prova. A instituição está investigando o caso.


Segundo a TV Anhanguera, o enunciado da questão diz que o paciente Davi, de 24 anos, estava com abscesso na nádega "e seu noivo serelepe, ao ver aquele quadro horroroso, ficou tresloucado e furou o abscesso com espinho de limoeiro em um movimento rodopiante de bailarino, imitando um beija-flor".

+ Pimenta do reino é reprovada em teste e deve ser recolhida; veja lote

A prova foi aplicada na semana passada aos 67 alunos da disciplina de clínica cirúrgica, do 5º período de medicina.

Em nota, a Universidade de Rio Verde lamentou e disse que abriu um processo administrativo para averiguar a denúncia, que foi anônima, e se a questão foi de fato utilizada na prova. Ainda segundo o documento, se os fatos forem comprovados, a universidade vai tomar as providências previstas no seu regimento interno.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!