Comerciantes de Itaju e Palmira reclamam da crise e falta de incentivo do governo municipal



A cidade de Itaju do Colônia parou no tempo. Enfrentando duas crises, como se queixam os comerciantes, a crise nacional e a municipal, o dinheiro deixou de circular e muitos comerciantes estão se ” quebrando “, inclusive com fechamento de casas comerciais. ” Depois que esse homem entrou na prefeitura, parece que foi uma praga, a gente literalmente se quebrou “, disse uma comerciante. ” Na verdade, o dinheiro da prefeitura não circula na cidade. A gente sofre com esse governo. Antes era diferente, a gente tinha gosto da nossa cidade”, disse outro comerciante.As pessoas se queixam que o prefeito Djalma da Farmácia, não faz nada para incentivar o comercio. Em Palmira por exemplo, o distrito está parado, o que vem deixando muita gente a querer mudar do local. ” Antes, isso aqui era uma festa, As pessoas vinham final de semana, curtiam aqui e a gente vendia. Hoje, com as estradas abandonadas, salários em atraso e sem nenhum incentivo da prefeitura, a nossa Palmira parece um cemitério”, declarou um comerciante que não quis se identificar. Eles também se queixam das promessa do prefeito durante a campanha, dizendo que ia melhorar a vida dos moradores do distrito, inclusive com a construção da ponte ” e foi apenas mais uma promessa que não saiu do papel e nem vai sair “, disse outro morador.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!