Iguai: Fazendeiro, comerciante e vaqueiros são presos por morte de dirigente do MST


Quatro suspeitos de envolvimento na morte de um dos dirigentes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) em Iguaí, em abril de 2013, foram presos na manhã de quarta-feira (11), em Vitória da Conquista. Segundo informações da Polícia Civil, os suspeitos mataram Fábio Santos por causa da atuação dele em defesa da reforma agrária na região. 


De acordo com a Polícia Civil, o fazendeiro Délcio Nunes Santos, o comerciante Márcio Fabiano Cunha Borges e os vaqueiros Arenaldo Novais da Silva e Neuton Muniz da Silva foram apontados como mandantes e executores do crime. Eles participavam de um grupo de criminosos composto por fazendeiros e pistoleiros da região de Iguaí, Ibicuí e Nova Canaã. Os quatro presos foram encaminhados para o Conjunto Penal de Vitória da Conquista. *As informações são do G1
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!