Inércia da secretaria de saúde, faz casos de Aids crescerem em Ilhéus




A Bahia registrou, no primeiro semestre, quase 1.900 novos casos de Aids, com 95 mortes de adultos e um de criança, com Salvador (42), Ilhéus (9), Jequié (6) e Feira de Santana (6) liderando nos óbitos. Em Ilhéus, os portadores se queixam da constante falta do medicamento na farmácia municipal fornecido gratuitamente pelo SUS. 

Além de Camacan, Ilhéus e Itabuna, com maiores índices de novos casos de Aids, foram registradas duas mortes foram registradas em Una. Mais de 160 novos casos de Aids foram confirmados no sul da Bahia no primeiro semestre, sendo 89 em Itabuna. Os outros em Buerarema, Canavieiras, Camacan, Ilhéus, Itacaré, Itajuípe e Una. 

Apesar do governo federal enviar todo o mês recursos destinados para política de prevenção dos DSTS/AIDS, a prefeitura de Ilhéus, por meio da secretaria municipal de saúde, se mantém inerte, diante o alto número de soropositivos desassistidos na cidade.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!