EUA Proíbem Testes Com Van Escolar Sem Motorista Que Levava Crianças.


RAFAEL BALAGO - O governo dos Estados Unidos determinou o fim dos testes com vans autônomas que transportavam crianças de casa para a escola na Flórida, por considerar que as viagens poderiam colocar os passageiros em risco. A NHTSA (Administração Nacional de Segurança de Tráfego nas Estradas, na sigla em inglês) determinou na segunda-feira (22) o fim do experimento realizado em Babcock Ranch, no sudeste na Flórida. "Usar um veículo inadequado para transportar crianças é irresponsável, inapropriado e viola os termos do acordo feito com a empresa", disse a agência em um comunicado, segundo a agência Reuters.

A empresa que opera as vans é a francesa Transdev. Em março, ela obteve autorização para importar veículos autônomos e fazer testes e demonstrações. Para a NHTSA, esse acordo não previa o uso para transporte escolar.


A Transdev acatou a ordem e encerrou uma semana antes do previsto o teste que duraria um mês e meio. A empresa disse que o "pequeno experimento estava operando com segurança, sem nenhum problema, em um ambiente altamente controlado", que jamais comprometeria a segurança em nome do progresso e que acredita que as ações com as crianças respeitavam os termos do acordo.

As vans escolares autônomas têm capacidade para 12 passageiros e operavam em uma área delimitada, com um funcionário a bordo. A velocidade máxima era de 13 km/h, embora os veículos pudessem atingir até 48 km/h.

Micro-ônibus autônomos para levar pessoas em distâncias curtas seguem em testes nos EUA, na China e em outros países. A Transdev, por exemplo, fez viagens experimentais em Verdum, na França, com um veículo sem condutor que circulava por uma rota entre lojas e restaurantes do centro da cidade. Com informações da Folhapress.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!