Novo Triunfo segue com menor PIB por pessoa do estado, aponta pesquisa


O município de Novo Triunfo, no nordeste baiano, apresentou o menor PIB (Produto Interno Bruto) per capita [por pessoa] da Bahia. Em 2017, a cidade já amargava a mesma posição, sendo considerada a mais pobre do país. Segundo pesquisa do IBGE, quando é dividido o que se produz na cidade – entre bens e serviços – ficaria R$ 3.191 por habitante, fato que não necessariamente se confirma na realidade. Em segundo lugar com menor PIB per capita do estado aparece Caetanos, no sudoeste, com R$ 4.811 por pessoa. Em terceiro lugar Macururé registra R$ 4.864 por morador. A lista dos dez menores PIBs per capita baianos segue com Bom Jesus da Serra, no sudoeste [R$ 4.973], Nova Redenção, na Chapada Diamantina [R$ 4.982], Érico Cardoso, no sudoeste [R$ 4.985], Ipecaetá, no Portal do Sertão [R$ 5.068], Itaetê, na Chapada Diamantina [R$ 5.285], Pedrão, no agreste [R$ 5.294] e Antônio Gonçalves, no Piemonte Norte do Itapicuru, região de Senhor do Bonfim, [R$ 5.300]. Segundo o IBGE, o PIB dos municípios é elaborado a partir das Contas Regionais (PIB dos estados), em parceria com os órgãos estaduais de estatística, as secretarias estaduais de governo e a superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). Os valores indicados tomam com base o ano de 2016. (Bahia Notícias)
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!