Battisti portava documentos falsos na Bolívia


O italiano Cesare Battisti portava documentos falsos no momento em que fora preso, ontem (12), em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. A informação foi divulgada por investigadores da Digos e pelo procurador-geral de Milão, Antonio Lamanna, que está cuidando do caso de Battisti na Itália. Eles divulgaram também que a última localização de Battisti, antes da prisão, era de dois ou três dias atrás, perto do aeroporto de La Paz. Sua trajetória foi acompanhada pelos policiais graças a uma rede sofisticada de intercepção com mais de 15 aparelhos de celular, tablete e computadores. (ANSA)
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!