De outubro para novembro de 2018, produção industrial recuou 1,2%



Em novembro de 2018, a produção industrial da Bahia, descontados os efeitos sazonais, voltou a cair (-1,2%), após se manter estável (0,0%) em outubro, e apresentou a quinta maior queda entre os 15 locais pesquisados. O resultado ficou bem abaixo da média nacional (0,1%). Os melhores resultados foram registrados em Pernambuco (1,4%), Paraná (1,1%) e Ceará (0,9%). No outro extremo ficaram Goiás (-6,2%), Amazonas (-3,5%) e Rio de Janeiro (-2,2%). Frente a novembro de 2017, a produção industrial baiana também caiu (-0,3%), após ter registrado um aumento em outubro (7,1%), nesta comparação. Teve desempenho melhor que a média nacional (-0,9%) e acompanhou o movimento de queda verificado em outros 7 dos 15 locais pesquisados. Nesse confronto, a produção industrial cresceu mais em Rio Grande do Sul (12,7%) e no Pará (8,3%), enquanto os maiores recuos ocorreram em Goiás (-14,2%) e no Rio de Janeiro (-5,5%).

Com os resultados negativos de novembro, a produção industrial na Bahia teve um ligeiro recuo no acumulado do ano, passando de 0,9% em outubro para 0,8% em novembro. O resultado ficou abaixo da média nacional (1,5%). Nos 12 meses encerrados em novembro foi registrado 0,6%, bem inferior à média nacional (1,8%). (Noticias ao Minuto)
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!