Ibicaraí recebeu a visita de comitiva com representantes do Banco Mundial





Uma comitiva com representantes do Banco Mundial visitou na tarde da última segunda-feira, dia 4, a fábrica da Bahia Cacau - primeira fábrica de chocolate da agricultura familiar do país - administrada pela Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba).

O grupo, composto pelo diretor do Banco Mundial para o Brasil, Martin Raiser, a Gerente do Projeto e Especialista Sênior em Desenvolvimento Rural, Fátima Amazonas, o secretário de Desenvolvimento Rural, Jeandro Ribeiro, o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Wilson Dias, além do coordenador do Bahia Produtiva, Fernando Cabral, suas respectivas equipes e o diretor da AMMA Chocolates, Rafael Fernans, que foram recebidos pelo presidente da Coopfesba, Osaná Crisóstomo e equipe; a vice-prefeita de Ibicaraí, Adriana Assis; o chefe de Gabinete, José Alberone; a secretária municipal de Agricultura, Telma Elízia e equipe; o controlador Interno, Sóstenes Santos e pequenos agricultores da agricultura familiar do município.

A visita da comitiva foi para supervisionar o Projeto Bahia Produtiva e os avanços obtidos pelo projeto nesses três anos de execução, além de avaliar os impactos na renda e na qualidade de vida das famílias beneficiadas. No segundo momento a comitiva conheceu as dependências da fábrica e o processo de melhoramento da amêndoa e da agroindustrialização do cacau e a produção do chocolate. Por último a comitiva visitou a loja da fábrica e degustou os inúmeros tipos de chocolates produzidos na fábrica.

“A visita dessa comitiva do Banco Mundial e o investimento que existe do Bahia Produtiva para as famílias de agricultores só fortalece o meio rural local e agrega valor à nossa cadeia produtiva local. Nossa fábrica tem conseguido o devido respeito e credibilidade e já se mostra como exemplo produtivo e positivo. Hoje, produzimos chocolate com o cacau dos nossos pequenos cacauicultores e estamos levando o nome de Ibicaraí e a região cacaueira para todo o mundo”, disse Osaná.

“Estamos aqui hoje representando o executivo municipal nessa importante visita dos representantes do Banco Mundial e orgulhosos de saber que nossa fábrica de chocolate é a primeira da Agricultura Familiar do Brasil e verdadeiramente deu certo. Esse investimento do Bahia Produtiva e Banco Mundial com a nossa agricultura familiar só confirma que a solução está no campo e o cacau ainda é uma cultura viável para a nossa região”, disse Adriana Assis.

O diretor do Banco Mundial no Brasil, Martin Raiser, avaliou positivamente a fábrica: “Fiquei impressionado com a fábrica de chocolate que utiliza produtos dos agricultores da região. O chocolate produzido aqui é um bom exemplo do esforço do Bahia Produtiva de integrar produtores rurais nas cadeias de valores até chegar aos mercados mais lucrativos e até exportação. Na cadeia do cacau, vejo que isso está dando certo”, disse Martin.



Assessoria de Comunicação – Ibicaraí
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!