MP-BA Deve Recorrer De Rejeição De Denúncia Contra Deputado Roberto Carlos


O Ministério Público da Bahia (MP-BA) deve recorrer da decisão plenária tomada pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) de rejeitar a denúncia contra o deputado Roberto Carlos. Em nota, o MP baiano informou que, após a notificação oficial da decisão de desta quarta, “avaliará a possibilidade de recorrer”. O MP-BA é o titular da ação.A denúncia é decorrente da Operação Detalhes, que investigava um esquema de funcionários fantasmas na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) em que o denunciado era beneficiado com o recebimento de salário dos servidores.



O presidente do TJ, desembargador Gesivaldo Britto, desempatou a votação que culminou com a rejeição da denúncia, sob o argumento de que as provas da operação são ilícitas, produzidas a partir de um relatório do Conselho de Controle Administrativo Financeiro (Coaf), por identificar movimentações atípicas na conta do parlamentar. A Operação Detalhes foi deflagrada em 2012 e só foi julgada nesta quarta diante do pedido de preferência do relator, desembargador Júlio Travessa, que sinalizou preocupação com uma possível prescrição do caso no Pleno do TJ.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!