Itaju do Colônia: Ex-carcereiro que estuprou a sobrinha teve prisão preventiva decretada



Na manhã desta segunda-feira, foi preso pelo Policial Civil Iremar dos Santos e o Subtenente Souza, em cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva expedido pelo Juiz da Comarca de Itororó, o ex-carcereiro de nome GILDEVAN CHAVES SANTOS, vulgo “DÉ”, de 50 anos, morador da rua Catarina Paraguaçu, centro de Itaju do Colônia, por ter estuprado a sua sobrinha menor de 11 anos de idade.

Segundo consta, a menor mora com os avós desde os 11 anos de idade e que há dois anos “DÉ”, que é casado com a tinha da menor, vinha assediando a mesma há dois anos, pois acesso fácil na casa dos avós da menina e sempre ela ligava para avó da menor e pedia para que ela levasse suco na casa dele e neste momento ele aproveitava e abusava sexualmente da menina. Há cerca de oito dias, a menor “de não aguentar mais ser abusada por meu tio”, segundo a mesma, resolveu contar o fato para a sua professora e esta chamou a direção que tomou as devidas providências comunicando o fato à família.

A menor esclareceu também que não avisou à sua família uma vez que era ameaçada de morte por seu tio. O caso foi levado foi comunicando na Delegacia de Polícia pelo Conselho Tutelar que adotou as medidas cabíveis. O autor da prática delitiva encontra-se custodiado na carceragem da cadeia pública de Itaju do Colônia e será transferido para o Conjunto Penal de Vitória da Conquista a qualquer momento. A pena para quem pratica estupro de vulnerável é de 8 a 15 anos de reclusão.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!