Como a Visita De Bolsonaro Pode Mexer Com As Eleições Na Argentina.



Seis meses depois de tomar posse, o presidente Jair Bolsonaro visita a Argentina em um momento decisivo para seu aliado Mauricio Macri.


De uma reeleição que parecia quase certa pouco mais de um ano atrás, o presidente argentino hoje tenta tirar o país da crise econômica que alimenta uma rejeição crescente entre os eleitores à sua candidatura e que fortalece a chapa de sua principal rival, a ex-presidente Cristina Kirchner.


A antecessora, que governou o país entre 2007 e 2015, anunciou no último dia 18 de maio que disputaria como vice de Alberto Fernández, Chefe de Gabinete durante o mandato do marido, Néstor Kirchner, e no início de sua gestão.



A decisão de abrir mão de ser cabeça de chapa surpreendeu o mundo político argentino e foi interpretada como uma jogada para tentar diminuir a rejeição –também alta– à figura de Cristina, que é vista por parte dos argentinos como responsável pela situação da economia e que responde na Justiça a cinco processos por acusações de corrupção.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!