Enquanto Bolsonaro Quer Guerra Contra Radares, ACM Neto Nega ‘Indústria Da Multa’.


Enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PSL) faz campanha contra radares, o prefeito ACM Neto (DEM) elogia a ferramenta e nega a existência de uma “indústria da multa”, como apontam os críticos da forma como os equipamentos são utilizados pela administração municipal.

“Não tem indústria da multa nenhuma. Isso é a preservação da vida. Não tenho nenhum problema de ser questionado”, afirmou o prefeito, ao apresentar nesta segunda-feira (3) números que apontam uma redução de 5,8% do número de mortes no trânsito na capital baiana.

De acordo com a Transalvador, foram 114 óbitos em 2018 e 121 em 2017. Se comparado o período de 2012 a 2018, a queda foi de 53,8%.

A opinião de Bolsonaro é contrária à de Neto no assunto. Em entrevista ao apresentador Silvio Santos, do SBT, no início de maio, o presidente afirmou que o radar tem eliminado o “prazer em dirigir”.

“O radar extrapolou a ideia de proteger a vida, é caça-níquel para aumentar a arrecadação. É dinheiro que tira do povo”, defendeu o chefe do Palácio do Planalto.

Após cancelar contrato de radares fixos em rodovias, Bolsonaro também prometeu acabar com os equipamentos móveis nas estradas.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!