Professoras Da UEFS Apresentam Trabalho Em Evento Internacional.


As enfermeiras Evanilda Carvalho e Silvone Santa Bárbara, e a educadora física Lea Barbetta, professoras do Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva e do Mestrado Profissional em Enfermagem da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), estiveram representando a instituição no 13th Annual Sickle Cell Disease Researchand Educational Symposium, realizado em Fort Lauderdale, nos Estados Unidos.As docentes da UEFS apresentaram os trabalhos “Cuidado de Enfermagem para superação do estigma da doença falciforme nas unidades de saúde”, “Avaliação de políticas de assistência a pessoas com doença falciforme” e “Intervenções para a prática segura de exercícios em crianças e adolescentes com doença falciforme” – desenvolvidos no âmbito dos projetos financiados pelo CNPq e apoiados por bolsas de iniciação cientifica, mestrado e doutorado. O simpósio internacional que participaram teve como tema “Mudando a conversação sobre as doenças das células falciformes e remodelando seu futuro” e reuniu pesquisadores do campo da Saúde, das Ciências Humanas e da Engenharia Genética, preocupados em buscar alternativas para promover a qualidade de vida de pessoas com doença falciforme. A UEFS vem desde 2011 produzindo pesquisas sobre o cuidado no adoecimento crônico, através de intervenções sobre os adoecidos e seus familiares e da difusão de conhecimento para redução da invisibilidade da doença falciforme, a qual tem na Bahia a maior frequência entre os estados brasileiros.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!