Ações Contra Incêndios Florestais Na Bahia Recebem R$ 6,7 Milhões Em Investimentos.



Após especialistas da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) e do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) alertarem para maior incidência de incêndios em áreas florestais da Bahia nos próximos meses, entre setembro e dezembro, o Governo do Estado anunciou a intensificação das ações do Programa Bahia Sem Fogo.
- Anúncio -


A previsão é que sejam investidos cerca de R$ 6,7 milhões para contratação de aeronaves para combate aos incêndios, capacitação de brigadas voluntárias, aquisição de Equipamentos de Proteção Individual e Coletiva (EPI/EPC), compra de fardamento para os brigadistas e apoio logístico no combate aos incêndios florestais.

As regiões que mais apresentam registros de incêndios no período de estiagem são o oeste e a Chapada Diamantina. No oeste, a maior incidência de fogo ocorre de maio a outubro, principalmente nos meses de agosto, setembro e outubro, nos municípios de Formosa do Rio Preto, Correntina, São Desidério, Pilão Arcado e Cocos. Já na Chapada Diamantina, é de setembro a dezembro, principalmente em outubro e novembro.

Segundo a Sema e o Inema, o alerta se deve ao caráter cíclico do fogo, uma espécie de padrão de picos de focos de queimadas intercalados entre dois a cinco anos. Nesse período, há um acúmulo de biomassa combustível, formada principalmente de serapilheira e galhos secos. Além das razões naturais, há também as ações humanas que, na Bahia, são as principais fontes de ignição de fogo.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!