Coreia do Sul pretende apresentar queixa contra o Japão à OMC



A disputa comercial entre o Japão e a Coreia do Sul continua a se intensificar. O governo sul-coreano informou que apresentará queixa à Organização Mundial do Comércio (OMC) quanto ao controle de exportações pelo Japão.


Segundo Seul, o Japão violou leis internacionais do comércio ao restringir exportações de três tipos de materiais em julho. Os produtos são utilizados na fabricação de equipamentos de tecnologia avançada, inclusive semicondutores.

A ministra do Comércio da Coreia do Sul, Yoo Myung-hee, afirmou que a ação japonesa tem motivação política e seria discriminatória contra o seu país. Disse ainda que ela estaria ligada a decisões de tribunais sul-coreanos quanto a trabalho no período de guerra.

Yoo Myung-hee declarou que sua pasta planeja pedir ao governo japonês que participe de negociações bilaterais a respeito da questão. A participação é um pré-requisito para a apresentação do caso à OMC.

O governo japonês, por sua vez, nega ter violado regras da Organização Mundial do Comércio. Segundo o ministro da Economia, Comércio e Indústria do Japão, Hiroshige Seko, suas medidas estão de acordo com as regras do organismo internacional. Ele afirmou que vai avaliar a reivindicação sul-coreana, tomando as atitudes apropriadas com base nas regras da OMC.

As autoridades japonesas alegam que as medidas foram implementadas por questões de segurança. Acrescentam que houve casos de controles indevidos do comércio na exportação de matérias primas à Coreia do Sul. Segundo o governo, materiais para a fabricação de semicondutores poderiam ser utilizados para fins militares.

Com informações da Agência Brasil
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!