PM Acusado De Torturar Ex-Companheira Pede Revogação Da Prisão.



Na última segunda-feira (8), a defesa do sargento da Polícia Militar Daniel Deglmann entrou com um pedido de revogação de prisão no Juizado da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, da Comarca de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.


Segundo informações do jornal 'Extra', o militar é acusado de dopar, torturar e manter em cárcere privado a ex-companheira por 13 dias. O agente, que é lotado no 16º BPM (Olaria), está preso na Unidade Prisional da Polícia Militar, no Fonseca, em Niterói, desde o último dia 23, após ordem judicial.

Além do pedido de soltura feito na Comarca de Duque de Caxias, a defesa de Daniel também entrou com um pedido de habeas corpus na comarca da capital.

O Ministério Público deve dar vista sobre o caso em breve.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!