Camacan: Mulher é vítima de latrocínio e marido é confundido pelos bandidos com o irmão gêmeo dele, que é policial


Foi morta na noite desta sexta-feira (06) em Camacan uma mulher identificada como Luma Layne, vítima de um latrocínio. O fato aconteceu por volta das 23h30, momento em que assaltantes invadiram a fazenda em que estavam, localizada na região do Cachorro Assado, na cidade de Camacan. A jovem foi morta e seu marido, Pedro Gomes de Faria Junior, amarrado e espancado.


De acordo com informações policiais, cerca de três homens invadiram a casa e confundiram Pedro com seu irmão gêmeo, que é soldado da polícia militar da 62ª Companhia Independente de Camacan (CIPM). Os criminosos pediram a arma de Pedro e logo em seguida efetuaram alguns disparos. Luma acabou sendo atingida e não resistiu aos ferimentos.


Após ter sido agredido e amordaçado, Pedro conseguiu fugir até a CIPM e informar aos policias sobre o ocorrido. Durante a invasão foram levados celulares e os carros das vítimas. Não há informação sobre as identidades dos invasores. O crime está sendo investigado pela Polícia.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!