Baianos Jamais Venceram Copa SP; Em 2011 Bahia Eliminou Rival, Mas Caiu Na Final.



A Copa São Paulo de Futebol Júnior, que terá início nesta quinta-feira (2), jamais foi vencida por um clube baiano. Em 2011, o Bahia bateu na trave, ficando com a medalha de prata. Na ocasião, o Esquadrão foi derrotado pelo Flamengo por 2 a 1 na decisão, no Pacaembu, em São Paulo.

A boa campanha do Bahia na Copinha daquele ano começou com um tropeço frente ao América Mineiro por 2 a 1. Com as vitórias sobre o Noroeste (1 a 0) e o Tabuão da Serra (4 a 0), no entanto, a equipe tricolor conquistou uma vaga à segunda fase, quando começou a enfrentar adversários mais tradicionais.

A primeira equipe a ser superada pelo Bahia no mata-mata foi a Portuguesa, que à época ainda não havia iniciado sua derrocada no cenário futebolístico nacional – o clube paulista, naquela temporada, fez uma campanha brilhante na Série B, conquistando o título e a alcunha de “Barcelusa”.

A partida, realizada no estádio do Nacional, na Barra Funda, foi vencida pelo Tricolor por 2 a 1. Com o triunfo, um conhecido adversário o aguardava nas oitavas de final: o arquirrival Vitória, que fazia, até aquele momento, uma campanha perfeita, com 100% de aproveitamento em quatro partidas.

Ba-Vi em São Paulo

Acostumados a se enfrentarem com grandes públicos na Fonte Nova ou no Barradão, Bahia e Vitória mediram força no pequeno estádio Nicolau Alayon, onde os tricolores já haviam jogado na partida anterior. Poucos torcedores estiveram presentes naquela terça-feira à tarde para prestigiar o Ba-Vi, que terminou empatado em 1 a 1 no tempo regulamentar.

O jogo foi equilibrado e seguia sem gols até os 38 do segundo tempo, quando o atacante Rafael (que depois, já na equipe profissional, ganharia o apelido de “Gladiador”) foi às redes. O atleta tricolor, destaque da equipe naquela competição, aproveitou um bate-rebate na área rubro-negra para abrir o placar e deixar o Bahia perto da classificação.

Cinco minutos depois, porém, o Vitória chegou à igualdade. Pressionando pelo empate que levaria a partida à disputa de pênaltis, o rubro-negro Adauto arriscou um chute de longe, vencendo o arqueiro Renan.

Nos pênaltis, a vitória foi do Bahia, que desperdiçou apenas uma cobrança nos cinco chutes iniciais, enquanto o Vitória perdeu dois. Festa tricolor na Barra Funda.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!