Quarta Morte Por Suspeita De Contaminação De Cerveja é Confirmada.



A Polícia Civil de Minas Gerais confirmou nesta quinta-feira (16) a terceira morte por suspeita de intoxicação por dietilenoglicol presente na cerveja Belorizontina, da fabricante Becker. Ao todo, quatro pessoas morreram com sintomas que podem estar ligados a ingestão do produto. Um desses casos, entretanto, ainda está sendo investigado. 


A nova vítima, um homem de 89 anos, estava internada no Hospital MaterDei, no centro-sul de Belo Horizonte. Ele tinha sintomas da síndrome nefroneural, causada pela substância, e teve sua morte confirmada por volta das cinco horas e 25 minutos desta quinta. 

Até o momento, o dietilenoglicol foi encontrado em três lotes da Belorizontina. A substância, usada na indústria para evitar que os líquidos congelem ou evaporem, é tóxica. Sua ingestão impede funcionamento normal dos rins, causa alterações neurológicas, vômito e diarreias, podendo levar à morte em alguns casos.
Compartilhe no Google Plus

Sobre TRIBUNA DE IBICARAÍ

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Tribuna de Ibicaraí. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!